Siga nossas redes

      
selo_final_Prancheta 4.png


Aftas - saiba como tratar esse inconveniente

Ainda não se sabe exatamente o que provoca o aparecimento de aftas. No entanto, alguns fatores podem ser determinantes

Folha do Oeste
ok
Foto: Divulgação
Aftas aparecem na cavidade oral, geralmente na mucosa bucal, nas gengivas e embaixo da língua

De acordo com a cirurgião dentista especialista em dentística clínica geral, Vanessa Candaten (CRO/SC 8081), aftas são pequenas úlceras rasas, dolorosas e avermelhadas com um ponto branco no centro. “É a enfermidade da mucosa bucal mais comum, caracterizando-se por feridas branco-amareladas de contorno avermelhado, múltiplas ou solitárias”, diz. Vanessa explica que as aftas manifestam-se por lesões que variam em número e intensidade, mas costumam em geral ser percebidas pela ardência e área avermelhada. Podem atingir toda a mucosa oral, sendo mais frequente na borda da língua e sulcos gengivo-labiais.

CAUSAS

Ainda não se sabe exatamente o que provoca o aparecimento de aftas. No entanto, alguns fatores podem ser determinantes. “As causas ainda são desconhecidas. A afta pode ocorrer após processos de febre ou gripe e durante o período menstrual, também por tendência familiar e por problemas estomacais ou emocionais”, destaca. Sabe-se que as aftas são mais comuns em mulheres e que cerca de 30% das pessoas acometidas têm casos na família, talvez por associação genética ou exposição ambiental semelhante.

Pequenos machucados decorrentes de acidentes ou escovação excessiva podem criar ambiente propício ao aparecimento das aftas. Além disso, um sistema imunológico debilitado, carência de vitamina B12, reações alérgicas às bactérias bucais, doenças inflamatórias do sistema digestivo e até o estresse emocional podem contribuir para o surgimento das aftas. É importante lembrar que as aftas não são causadas pelos vírus herpes.

SINTOMAS

Os sintomas podem aparecer um ou dois dias antes de a afta surgir. É comum surgir ardor ou um tipo de queimação na região afetada. Quando as aftas aparecem em grande número, pode ser difícil engolir alimentos ou líquidos, especialmente os mais ácidos.

TRATAMENTO

“Normalmente a afta desaparece em duas semanas. Algumas pomadas anestésicas, prescritas por dentistas, aliviam o sintoma doloroso. Para prevenir, pessoas com propensão para aftas devem evitar consumir frutas e condimentos ácidos. O combate ao estresse também é um forte aliado”, aconselha Vanessa. Se houver muita dor ou dificuldade para engolir alimentos, pode-se recorrer a tratamentos sintomáticos, como os bochechos com medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos. Em casos mais graves, pode ser necessário o uso de anti-inflamatórios sistêmicos (como os corticoides) ou medicamentos para reduzir a acidez estomacal.

Durante a recuperação, algumas medidas simples podem ajudar. Além de evitar alimentos ácidos, deve-se escovar os dentes suavemente. Também ajuda quebrar pequenos pedaços de gelo e deixá-los dissolver na boca, como forma de aliviar a irritação.
 

Imagens

selo_final_Prancheta 26.png
Mais lidas do dia

LEIA TAMBÉM

EDITORIAS

Rua Duque de Caxias, 1302, Centro. São Miguel do Oeste – SC. CEP: 89900-000 Telefone: (49) 3621-1244

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina